• Clínica Dr. Acessível

O que causa a queda de cabelo em homens e mulheres?



A queda de cabelo atinge homens e mulheres de uma forma muitas vezes inesperada, e para alguns pode interferir na autoestima. Por isso, antes de qualquer tratamento, é fundamental procurar um médico especializado.


Todo cabelo possui um ciclo de crescimento e queda. Porém, quando toda sua estrutura está fragilizada - desde a raiz até as pontas - os fios quebram e tendem a cair mesmo fora da fase de queda.


Existem inúmeros tipos de queda capilar, e por isso, antes de iniciar qualquer tratamento, o primeiro passo é fazer o diagnóstico correto de qual é o tipo da sua queda. Citamos alguns exemplos mais comuns:


  • Eflúvio telógeno

  • Calvície ou Alopécia andrognética

  • Alopécia areata

  • Alópecia Frontal fibrosante

  • Alopécia de tração

  • Entre diversas outras


Para a definição de qual o tipo de queda capilar o médico precisa realizar uma anamnese detalhada (história clínica), o exame físico, a tricoscopia (estudo mais aprofundado no couro cabeludo e do fio de cabelo) e muitas vezes o complemento com os exames laboratoriais e biópsia da região afetada. Isso é necessário, pois em muitos casos a alteração pode não estar somente nos fios, mas pode também estar refletindo algum outro problema de saúde. As doenças da tireóide são exemplos de doenças que tem grande relação com as alterações do cabelo.


Nas mulheres a causa mais comum de queda é o eflúvio telógeno, que por definição significa o aumento diário da perda dos fios, muitas vezes percebidos no travesseiro, ao varrer a casa ou ao pentear os cabelos. O motivo desse aumento de perda de fios pode ser secundário a diversos fatores, como anemia, estresse, pós cirurgias, amamentação, doenças da tireóide, doenças auto-imunes e infecciosas.

Já nos homens, a principal causa de queda é a calvície. Neste caso a causa é geneticamente determinada. Tanto homens quanto mulheres podem herdar este problema de seus pais. Isso acontece porque os hormônios sexuais são responsáveis pela miniaturização dos fios de cabelo em algumas pessoas. Este problema começa geralmente na puberdade e se agrava conforme os anos passam.

O tratamento dessas diversas causas é variável e será direcionado a cada tipo específico. Entre as possibilidades de tratamento estão o uso de medicamentos orais, tópicos (de aplicar no couro cabeludo), implantes capilares e infusão de medicamentos diretamente no couro cabeludo. Lembrando que se a sua perda capilar é causada por uma doença subjacente, o tratamento para essa doença será sempre necessário.


Assim, se você apresenta alguma alteração nos cabelos, consulte um médico Dermatologista ou um Médico Endocrinologista para mais informações de qual tratamento é o mais indicado para cada ocasião.


DERMATOLOGISTAS

DRA HELENA ARANTES FIORILO PELEGRINE - CRM 79137 | RQE 44270

DRA RENATA GONCALVES - CRM 41753  |  RQE 27213

DRA MILENA BRANDAO - CRM 43088  |  RQE 32378 


ENDOCRINOLOGIA E METABOLOGIA

DR RAYZZEL OLIVEIRA - CRM 47820  |  RQE 42170

DR VITOR MOREIRA DE CASTRO - CRM 49961  |  RQE 32004

Agende sua consulta agora.

Conheça todos profissionais e serviços prestados pela Clínica Dr. Acessível, e marque seu agendamento. 

#Carangola #dracessivel #quedadecabelo #dermatologia #endocrinologia

A CLÍNICA

CORPO CLÍNICO

  • White Facebook Icon
  • Branca Ícone Instagram

Carangola-MG

32 3741 4112

Rua Olímpio Machado, 42

Centro

©  2018 por Clínica Dr. Acessível.  |  Criado com View Network